Planning, development, monitoring and evaluation of the Academia da Cidade do Recife action plan during COVID-19

  • Danyelle de Cássia Ribeiro de Oliveira Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil. https://orcid.org/0000-0003-0383-090X
  • Tatiana Martins Ferraz Holmes Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil. https://orcid.org/0000-0003-1061-1684
  • Emmanuelly Correia de Lemos Escola de Governo em Saúde Pública de Pernambuco. Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco, Brasil. Escola Superior de Educação Física, Universidade de Pernambuco. Grupo de Pesquisa em Estilos de Vida e Saúde, Recife, Pernambuco, Brasil. https://orcid.org/0000-0003-1450-6160
  • Rafael Miranda Tassitano Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, Pernambuco, Brasil. Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade de Pernambuco/Universidade Federal da Paraíba, Brasil.
  • Raquel Bezerra Pajeú Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil. https://orcid.org/0000-0003-0631-4441
  • Gledson da Silva Oliveira Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil. https://orcid.org/0000-0001-6402-9855
  • Luiz Eduardo Nunes de Souza Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-0044-8724
  • Renan Wallacy Yvson dos Santos Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil. https://orcid.org/0000-0001-5053-5458
  • Charles Barbosa Gomes da Silva Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil.
  • Marcílio Paulo da Silva Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-9260-0243
  • Gabriela Maranhão Câmara Campos Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil.
  • Ricardo Augusto Menezes da Silva Programa Academia da Cidade. Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil.

Resumo

O objetivo desse artigo foi descrever a construção e implantação do plano de ação do Programa Academia da Cidade Recife (PAC-REC) durante o período de isolamento social devido a COVID-19. Como medidas temporárias para enfrentamento da COVID-19 a Prefeitura de Recife  publicou seu plano de contingência, no qual constava a suspensão de serviços considerados não essenciais, entre estes o funcionamento presencial do PAC-REC. Considerando o compromisso do programa com o Sistema Único de Saúde e com a Atenção Básica de Saúde, o núcleo gestor do Programa elaborou um plano de ação, reestruturando seu potencial de atuação através da reorganização de atividades remotas a serem ofertadas aos seus usuários. O plano apresenta seis etapas distribuídas entre o planejamento, desenvolvimento, monitoramento e avaliação. Mesmo diante a mudança do cenário epidemiológico e formato de ação, conseguiu se reestruturar, dando continuidade às ações de Promoção de Saúde no território.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Recife. Secretaria Municipal de Saúde. Decreto nº 19.808 de 03 de Abril de 2003. Programa Academia da Cidade. [citado em 2020 Jul 08]. Disponível em: http://www.legiscidade.recife.pe.gov.br/decreto/19808/.

Brasil. Ministério da Saúde. Política Nacional de Atenção Básica. Portaria nº 2.436, de 21 de Setembro de 2017. [citado em 2020 Jul 08]. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2017/prt2436_22_09_2017.html.

Brasil. Ministério da Saúde. Redefinição da Política Nacional de Promoção a Saúde. Departamento de Análise de Situação em Saúde. Novembro, 2014. [citado em 2020 Jul 11]. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2014/prt2446_11_11_2014.html.

Brasil. Ministério da Saúde. Portaria nº 2.681, de 7 de Novembro de 2013. Redefine o Programa Academia da Saúde no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). [citado em 2020 Jul 11]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2013/prt2681_07_11_2013.html.

FIOCRUZ. Pernambuco. Observatório COVID-19. Impactos sociais, econômicos, culturais e políticos da pandemia. [citado em 2020 Jul 12]. Disponível em: https://portal.fiocruz.br/impactos-sociais-economicos-culturais-e-politicos-da-pandemia.

Pernambuco. Governo do Estado. Decreto nº 48.822, de 17 de Março de 2020. [citado em 2020 Jul 12]. Disponível em: https://legis.alepe.pe.gov.br/texto.aspx?tiponorma=6&numero=48822&complemento=0&ano=2020&tipo=&url=.

Recife. Prefeitura do Recife. Gabinete de Imprensa. PCR suspende funcionamento das academias públicas e dos três Compaz. [citado em 2020 Jul 12]. Disponível em: http://www2.recife.pe.gov.br/noticias/16/03/2020/pcr-suspende-funcionamento-das-academias-publicas-e-dos-tres-compaz-partir-desta#:~:text=16.03.20%20%2D%2018h28-,PCR%20suspende%20funcionamento%20das%20academias%20p%C3%BAblicas%20e%20dos,a%20partir%20desta%20quarta%20(18)&text=Mais%20doze%20medidas%20foram%20anunciadas,segunda%2Dfeira%20(16).&text=A%20tr%C3%AAs%20unidades%20dos%20Centros,as%20atividades%20na%20mesma%20data.

Samico I, Felisberto E, Figueiró AC, Frias PG. Avaliação em saúde: bases conceituais e operacionais. ed. padrão. Recife: Medbook, 2010. p. 196.

Brasil. Congresso Nacional. Lei nº 8.080, de 19 de Setembro de 1990. [citado em 2020 Jul 21]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8080.htm.

Carvalho FFB, Carvalho YM. Outros lugares e modos de “ocupação” da Educação Física na Saúde Coletiva/Saúde Pública. Pensar a Prática. 2018; 21(4): 957-67.

Brasil. Ministério da Saúde. Política Nacional de Educação Permanente em Saúde: o que se tem produzido para o seu fortalecimento? 1ª ed. Brasília. 2018. [citado em 2020 Jul 25]. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_educacao_permanente_saude_fortalecimento.pdf.

Nantes EAS, Junior ALG, Pinho ECS, Porto IMN, Simm JFS, Vitello MGF. Percepções de professores da educação a distância sobre a tecnologia e sua aplicabilidade pedagógica. Revista Conhecimento Online. 2019;11(2):149-70.

Souza CTV, Santana CS, Ferreira P, Nunes JA, Teixeira MLB, Gouvêa MIFS. Cuidar em tempos da COVID-19: lições aprendidas entre a ciência e a sociedade. 2020; 6 (6): e00115020.

Matias TS, Dominski FH. The COVID-19 pandemic challenges physical activity with two emerging paradigms. Rev Bras Ativ Fís Saúde. 2020;25:e0113.

Ceccon RF, Schneider IJC. Tecnologias leves e educação em saúde no enfrentamento à pandemia da COVID-19. SciELO Public Health. 2020. [citado em 2020 nov 5]. Disponível em: <https://preprints.scielo.org/index.php/scielo/preprint/view/136>.

Publicado
17-12-2020
Seção
Do Diagnóstico à Ação: Experiências em Promoção de Atividade Física e Saúde