Validade de constructo do módulo do questionário ISAQ-A para mensurar barreiras para a prática de atividades físicas no lazer de universitários

Autores

  • Thiago Ferreira de Sousa Universidade Federal do Triângulo Mineiro
  • Silvio Aparecido Fonseca

DOI:

https://doi.org/10.12820/rbafs.v.22n3p233-241

Palavras-chave:

Medidas, Estudos de validação, Estudantes

Resumo

O objetivo deste estudo foi analisar a validade de constructo e a consistência interna do módulo do questionário ISAQ-A para mensurar barreiras para a prática de atividades físicas no lazer de universitários, tendo como base a proposta de agrupamento em três fatores. Foi realizado um estudo transversal com amostra de 970 universitários de uma instituição de ensino superior do Estado da Bahia de média etária de 23,5 anos (±5,2 anos) e 54,5% do sexo feminino. O módulo do questionário ISAQ-A mensura 12 tipos de barreiras, com a possibilidade de resposta até três opções, por ordem de importância. Para analisar a validade de constructo, considerou-se a proposta de agrupamento das barreiras em três fatores: barreiras pessoais, barreiras situacionais e barreiras de recursos/oportunidades, mediante a análise fatorial confirmatória (AFC). A consistência interna foi avaliada por meio do alfa de Cronbach’s. A consistência interna geral foi de 0,95, e entre os fatores, variou de 0,86 para o fator situacional a 0,90 para o fator de recursos/ oportunidades. Os resultados da AFC mostraram adequação da proposta de classificação das barreiras em três fatores (Comparative Fit Index = 0,96; Standardized Root Mean-Square Residual = 0,03; Tucker-Lewis Indices = 0,95; Normalized Fit Indices = 0,96). Conclui-se que o módulo do questionário ISAQ-A para a mensuração de barreiras para a prática de atividades físicas no lazer de universitários apresentou níveis adequados de validade de constructo e de consistência interna.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Ferreira de Sousa, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Formado em Licenciatura plena em Educação Física pela Universidade Estadual de Santa Cruz em 2008. Mestre e doutor em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina, na área de concentração: Atividade Física relacionada à Saúde. Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação Físcia da Universidade Federal do Triângulo Mineiro.

Silvio Aparecido Fonseca

Docente do Departamento de Ciências da Saúde da Universidade Estadual de Santa Cruz.

Downloads

Publicado

2017-05-01

Como Citar

1.
Sousa TF de, Fonseca SA. Validade de constructo do módulo do questionário ISAQ-A para mensurar barreiras para a prática de atividades físicas no lazer de universitários. Rev. Bras. Ativ. Fís. Saúde [Internet]. 1º de maio de 2017 [citado 27º de novembro de 2021];22(3):233-41. Disponível em: https://rbafs.org.br/RBAFS/article/view/9867

Edição

Seção

Artigos Originais