Mudanças em comportamentos relacionados à saúde e indicadores metabólicos em universitários entre 2011 e 2014

Palavras-chave: Fatores de risco, Estilo de vida, Estudantes, Comportamentos saudáveis

Resumo

Esse estudo teve como objetivo analisar a relação do tempo de exposição ao ambiente universitário com mudanças nos comportamentos relacionados à saúde e indicadores metabólicos em universitários após quatro anos de ingresso no ensino superior. Trata-se de um estudo longitudinal com estudantes de uma Universidade Pública de Curitiba, Paraná, entre 2011 e 2014. A atividade física de lazer foi mensurada por meio do questionário IPAQ versão curta e os comportamentos etilismo e hábitos alimentares foram obtidos por meio do YRBSS. Foram medidos massa corporal, estatura, circunferência de cintura e pressão arterial. Foram avaliados 1197 universitários em 2011 e 455 em 2014. Foi utilizado a regressão linear para verificar a relação do tempo de exposição ao ambiente de graduação com a prática de atividade física, outros comportamentos relacionados à saúde e indicadores metabólicos. O tempo de graduação explicou a variância da prática de AFMV em 16%, o consumo de bebidas alcoólicas em 13% e 14% (consumo em excesso), a medida da cintura em 13%, e a pressão arterial em 9% (sistólica) e 6% (diastólica). Os dados demonstram que o tempo de exposição ao ambiente universitário explica parte da variância nos comportamentos relacionados à saúde e indicadores metabólicos em universitários.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Guilherme Gasparotto, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná, Brasil.

Doutor em Educação Física; Professor do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Paraná, Curitiba, Paraná, Brasil.

Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Educação, Programa de Pós Graduação em Educação, Curitiba, Paraná, Brasil.

Ana Pacífico, Universidade Federal do Paraná, Brasil.

Acadêmica de Mestrado em Educação Física.

Edina Camargo, Universidade Federal do Paraná, Brasil.

Acadêmica de Doutorado em Educação Física.

Wagner Campos, Universidade Federal do Paraná, Brasil.

Professor, Doutor, do programa de pós-graduação em Educação Física.

Referências

Varela-Mato V, Cancela JM, Ayan C, Martín V, Molina A. Lifestyle and Health among Spanish University Students: Differences by Gender and Academic Discipline. Int J Environ Res Public Health. 2012;40(9):2728–41.

Plotniko RC, Costigan SA, Williams RL, Hutchesson MJ, Kennedy SG, Robards SL, et al. Effectiveness of interventions targeting physical activity, nutrition and healthy weight for university and college students: a systematic review and meta-analysis. Int J Behav Nutr Phys Act. 2015;12(45):1-10.

Ramis TR, Mielke GI, Habeyche EC, Oliz MM, Azevedo MR, Hallal PC. Tabagismo e consumo de álcool em estudantes universitários: prevalência e fatores associados. Rev Bras Epidemiol. 2012;15(2):376–85.

Gasparotto GS, Fantineli ER, Campos W De. Tobacco use and alcohol consumption associated with sociodemographic factors among college students. Acta Sci. 2015;37(1):11–18.

Mellado VC, Avaca CV, Gómez-Campos R, Rocha CL, Cossio-Bolaños M.Tendencias al incremento de la adiposidad corporal y la presión arterial de jóvenes universitarios en dos cohortes (2009-2014). Nutr Hosp. 2015;32(6):2551–58.

Rombaldi AJ, Silva MC, Dumith SC, Viana VR, Hallal PC. Fatores de risco para doenças crônicas não transmissíveis em estudantes de educação física ingressantes e formandos. Rev Bras Ciênc Esporte. 2014;36(1):13–27.

Franca C, Colares V. Estudo comparativo de condutas de saúde entre universitários no início e no final do curso. Rev Saúde Pública. 2008;42(3):420–27.

Gropper SS, Simmons KP, Connell LJ, Ulrich P V. Changes in body weight, composition, and shape: a 4-year study of college students. Appl Physiol Nutr Metab. 2012;37(6):1118–23.

Anstey KJ, Hofer SM. Longitudinal designs, methods and analysis in psychiatric research. Aust N Z J Psychiatry. 2004;38(1):93–104.

Gasparotto GS. Association between moment of the undergraduate course and cardiovascular risk factors in university students. Rev Latino-Am Enfermagem. 2013;21(3):687-94.

Pardini R, Matsudo S, Araújo T, Matsudo V, Andrade E, Braggion G, et al. Validação do questionário internacional de nível de atividade física (IPAQ-versão 6): estudo piloto em adultos jovens brasileiros. Rev Bras Ciên e Mov. 2001;9(3):45–51.

Teixeira M. YRBS-C: Tradução, adaptação transcultural e propriedades psicométricas. Tese de Doutorado. [Londrina]: Universidade Estadual de Londrina - UEL; 2009.

Campos LL, Isensse DC, Rucker TC, Bottan ER. Condutas de saúde de universitários ingressantes e concluintes de cursos da área da saúde. Rev Bras Pesqui em Saúde. 2017;18(2):17–25.

Tarnus E, Bourdon E. Anthropometric evaluations of body composition of undergraduate students at the University of La Réunion. Adv Physiol Educ. 2006;30(4):248-53.

Sociedade Brasileira de Cardiologia. VI Diretrizes Brasileiras de Hipertensão. Arq Bras Cardiol 2010; 95(1 supl.1): 1-51. http://publicacoes.cardiol.br/2014/diretrizes.asp.

Moreira CA, Lima FM, Silva PN. A difícil tarefa de acadêmicos de curso noturno em conciliar trabalho e estudo. Rev Eletronica da Univar. 2011;6(4):51–56.

Jacobsen N, Jensen H, Goldschmidt E. Does the Level of Physical Activity in University Students Influence Development and Progression of Myopia? A 2-Year Prospective Cohort Study. Assoc Res Vis Ophthalmol. 2008;49(4):1322–27.

Gasparotto G da S, Moreira NB, Gasparotto LPR, Silva MP, Campos. Associação entre fatores sociodemográficos e o nível de atividade física de universitários. Ciência e Mov. 2013;21(4):30-40.

Benotsch EG, Snipes DJ, Martin AM, Bull SS. Sexting, Substance Use, and Sexual Risk Behavior in Young Adults. J Adolesc Heal. 2013;52(3):307–13.

O’Grady KE, Arria AM, Fitzelle DMB, Wish ED. Heavy Drinking and Polydrug Use among College Students. J Drug Issues. 2008;38(2):445–65.

Iwamoto DK, Corbin W, Fromme K. Trajectory classes of heavy episodic drinking among Asian American college students. Addiction. 2010;105(11):1912–20.

Halperin AC, Smith SS, Heiligenstein E, Brown D, Fleming MF. Cigarette smoking and associated health risks among students at ve universities. Nicotine Tob Res. 2010;12(2):96–104.

Lynn A. Body Mass Index Trends and Nutrition Goals of College Students between 2007-2011. Thesis. [Lincon]: University of Nebraska; 2012.

Lloyd-RichardsonEE,BaileyS,FavaJL,WingRA.Prospective Study of Weight Gain During the College Freshman and Sophomore Years. Prev Med. 2010; 48(3):256-61.

Go DC Jr, Lloyd-Jones DM, Bennett G, et al.. 2013 ACC/ AHA guideline on the assessment of cardiovascular risk: a report of the American College of Cardiology/American Heart Association Task Force on Practice Guidelines. Circulation. 2014;129(25 Suppl 2):S49-73.

Morrow ML, Heessch K, Dinger MK, Hull HR, Kneehans AW, Fields DA. Freshman 15: Fact or Fiction? Obesity. 2006;14(8):1438–43.

Vadeboncoeur C, Townsend N, Foster C. A meta-analysis of weight gain in first year university students: is freshman 15 a myth? BMC Obes. 2015; 2(1): 22-29.

Al-Majed HT, Sadek AA. Pre-hypertension and hypertension in college students in Kuwait: A neglected issue. J Fam Community Med. 2012;19(2):105-15.

Martins M do C de C e, Ricarte IF, Rocha CHL, Maia RB, Silva VB da, Veras AB, et al. Blood pressure, excess weight and level of physical activity in students of a public university. Arq Bras Cardiol. 2010;95(2):192–99.

Sampson UKA, Edwards TL, Jahangir E, Munro H, Wariboko M, Wassef MG, et al. Factors Associated With the Prevalence of Hypertension in the Southeastern United States. Circ Cardiovasc Qual Outcomes. 2013; 7(1):33-54.

Publicado
30-05-2018
Seção
Artigos Originais